"Pássaro Sonhador" (1996/98) - Fatos&Fotos (Continuação)

<<Voltar

De 27 a 29/06/1997, o "Pássaro" de Fafá pousou na capital paulista. A cantora apresentou seu lindíssimo espetáculo na badala casa de shows "Tom Brasil". Sucesso absoluto, com lotação esgotada nas três apresentações. Eu tive a honra de assistir. Foi maravilhoso. Próximo ao final do espetáculo, Fafá tirou os sapatos, levando a plateia a loucura. Só quem é fã desde o início da sua carreira, sabia o que esse ato, aparentemente tão corriqueiro, representava. 

Imprensa

No dia 29/06/1997, Fafá de Belém foi uma das atrações do programa "Domingão do Faustão" (Rede Globo). Fafá cantou o sucesso "É tão bom te amar" e se divertiu com o imitador Fernando Ângelo. O quadro completo não está na rede, mas segue abaixo um trecho em que Fafá e Fernando cantam "Se você quer". Após a apresentação, Fafá, que estava no Rio, voou, literalmente, para São Paulo, onde encerraria o seu show "Pássaro Sonhador" em cartaz no "Tom Brasil".

Durante o meses de julho e agosto de 1997, o "Pássaro" de Fafá voou Brasil adentro. Tour nas principais capitais e nas cidades do interior. Fafá participou também do "Festival de Inverno" de Garanhuns (PE). Esteve em vários programas de rádio e TV. E pela primeira vez, participou do "Criança Esperança" em uma linda apresentação com os "bois" Caprichoso e Garantido. 

Em agosto de 1997, não sei precisar o dia exato, foi ao ar, pela Rede Globo de Televisão, o "Especial Elis" - O program foi gravado no mês de julho. A homenagem contou com a participação de 14 artistas. Fafá de Belém esteve presente e cantou "Casa no Campo" (Zé Rodrix/Tavito). 

Em agosto, Fafá rumou para a Ilha das Gatas (Cabo Verde), onde foi participar de um famoso festival de música que reúne artistas de todo o mundo. Fafá foi a única brasileira convidada para o evento. Sua apresentação ocorreu no dia 16/08 .

Após se apresentar no festival de Cabo Verde, Fafá deu uma esticada até Portugal onde participou de alguns programas de TV.  


Ao voltar de sua turnê em Portugal e África, Fafá de Belém recebeu um convite, o mais importante de sua vida até então: foi convidada para cantar para o Vossa Santidade, o Papa João Paulo II, na "Festa  Testemunho" que aconteceria no Estádio do Maracanã (RJ) em 04/10/1997.

Enquanto que o convite enchia a cantora e também nós fãs de orgulho, alguns "representantes" da "Família Tradicional" iniciaram, como de costume, a campanha da intolerância e do ódio, sentimentos que lhe são peculiares. Uns argumentavam que Fafá era mundana, outros que o tamanho dos seios da cantora seria uma afronta ao Santo Padre (Você não leu errada e nem eu estou louco, é isso mesmo!), outros atribuíam as mortes de Teotônio Villela e Tancredo Neves ao canto da artista...

A coordenadora Geral da comissão do evento, Maria Cristina Sá não deu ouvidos e respondeu: "Me indiquem um santo, que faço a substituição! ".


Com direção e produção de Michael Sullivan e Dudu Falcão, é lançado o CD do Parque Temático "Terra Encantada". Fafá de Belém participou do projeto e teve sua participação na música "João do Mato, o contador de estórias" (Michael Sullivan/Dudu Falcão).

CD "Terra Encantada" - Capa

CD "Terra Encantada" - Contracapa

CD "Terra Encantada" - Letra

Ouça a música:

No dia 04/10/1997, Fafá de Belém fez o mundo se emocionar. Trajando um belo vestido com as cores do Vaticano, amarelo e marfim, com os braços cobertos e usando um véu, calou os hipócritas e deixou todos boquiabertos. Infelizmente não há imagens disponíveis, a única que encontrei, foi uma montagem na qual aparecem algumas cenas do evento, veja vídeo no final do quadro.

Fafá também muito emocionada, não se conteve. Subiu até onde o Papa estava e o abraçou, quebrando assim o protocolo. Depois se ajoelhou e beijou o anel. Nos telejornais do dia e na imprensa escrita dos dias subsequentes, a apresentação da cantora foi a principal manchete. Momento inesquecível!

Imprensa

Abaixo, Vídeo com algumas cenas da brilhante apresentação de Fafá de Belém:

No dia 06/10/1997, chegava em todas às lojas o single "Ave Maria", música que Fafá cantou para o Papa. A renda da venda do CD foi destinada a Arquidiocese do Rio de Janeiro, cujo objetivo era o de distribuir com as instituições voltadas para os trabalhos sociais com a população mais carente. Foram feitos dois videoclipes da canção, mas infelizmente não há nenhum disponível na rede.

CD - Capa, Encarte, Foto e Ficha Técnica

Nesse mesmo dia, Fafá de Belém deu uma entrevista no programa "Jô Soares Onze e Meia" (SBT), onde contou toda a emoção em ter participado de um evento tão grandioso. Essa entrevista até tem na rede, na integra, você só vê por aqui! Assista:

Em 1997 o cantor e compositor Danilo Caymmi lançou o CD "Mistura Brasileira". O disco contou com a produção de Michael Sullivan e teve direção artística de João Augusto. Fafá de Belém também participou do projeto com a música "Pode Ser" (Michel Sullivan/Dudu Falcão).

Danilo Caymmi - "Mistura Brasileira" (1997) - Capa

Danilo Caymmi - "Mistura Brasileira" (1997) - Encarte

Ouça:

Fafá vivia uma faze maravilhosa. Ainda colhia os bons frutos do disco "Pássaro Sonhador" e o da sua impecável apresentação para o Papa João Paulo II. Mas, no dia 16/11/1997, a vida pregou-lhe a mais amarga dor. Falecia o seu pai Joaquim Figueiredo, vítima de uma complicação na próstata. 

A relação dos dois era da mais pura cumplicidade. O pai sempre estivera presente em sua trajetória de vida, de trabalho. A cantora declarou que: " Nunca imaginei a possibilidade de ver meu pai morto". No velório do pai, atendeu-lhe em seu último desejo, Sr. Joaquim sempre dizia que não queria tristeza no dia de sua morte, queria música, alegria. Fafá o atendeu, durante o velório, o som das Grandes Orquestras se fizeram presente, o que causou uma certa polêmica entre alguns familiares e imprensa.

A dor era grande, profunda. Durante alguns dias ficou em seu quarto, completamente destruída, ouvindo "Nossa Senhora", gravada por Roberto Carlos. Mas a vida precisava seguir. Já tinha vários compromissos firmados com emissoras de TV aqui no Brasil e o show de réveillon em Portugal. E assim, a cantora sorria para a câmeras e no silêncio do seu quarto extravasava a sua dor. O pássaro estava ferido, mas ainda havia muitos céus para voar...

No dia 02/12/1997, aconteceu em Brasília, no Teatro Nacional, o espetáculo "Tributo a Renato Russo". O show fazia parte da campanha do Ministério da Saúde para assinalar o "Dia Mundial da AIDS", que acontece todo dia 1º de dezembro. Fafá de Belém estava presente e cantou a música "L'aventura". 

No dia 06/12/1997, aconteceu na cidade do Rio de Janeiro, a inauguração da Árvore de Natal da lagoa Rodrigo de Freitas. Fafá de Belém marcou presença e emocionou o público com a "Ave Maria".

No final de 1997, a Fundação Pró-Sangue em parceria com o Grupo Bandeirantes, cria o projeto "Imite seu ídolo: doe sangue". Vários artistas, entre eles, Fafá de Belém, participaram da gravação do single "Fábrica da Vida" (Iranffe Maciel/Carlos Colla). A música foi o tema de final de ano da Band FM. O single foi uma obra dirigida e, portanto, não foi comercializado.

Single "Fábrica da Vida" (Vários - 1997) - Capa

Single "Fábrica da Vida" (Vários - 1997) - Ficha Técnica

Ouça:

Também no final de 1997, chegou às lojas o CD "Natal Legal", uma produção de um programa líder de audiência na época "Domingo Legal", cuja apresentação era feita por Gugu Liberato. O CD trazia as tradicionais músicas natalinas com novas roupagens. Fafá de Belém gravou "Boas Festas" (Assis Valente) no ritmo do Boi de Parintins. A música "Ave Maria", que a cantora havia cantado para o Papa, também faz parte deste CD.

Abaixo, um trecho de sua apresentação no "Especial de Natal" do programa "Viva a Noite", também apresentado por Gugu e no outro vídeo, a música na integra. 

Quem acompanha o site sabe que, a história de Fafá de Belém é contada aqui da seguinte forma: o período começa com a produção do novo disco e acaba quando o começa a produção do próximo. São os discos que regem tudo isso. Pois bem. "Coração Brasileiro" começou a ser idealizado pela cantora ainda em dezembro de 1997 e sua produção teve início em janeiro de 1998. Porém, ocorreu um fato entre dezembro de 1997 e março de 1998 que diz respeito ao disco "Pássaro Sonhador, e é com esse fato que encerrarei esse período.

Mesmo estando emocionalmente destruída, por conta do falecimento do pai, Fafá estava cumprindo todos os compromissos de agenda. Após gravar os programas de final de ano para as emissoras brasileiras, viajou para Portugal, onde faria o réveillon no Casino da Póvoa.

O motorista, Sr. Agostinho foi busca-la no aeroporto. Fafá estava abatida, cumprimentou o chofer, sem o "carnaval" de sempre. Percebeu que estava a fazer um caminho diferente, o motorista argumentou que estava fugindo do transito que ocorria no caminho habitual. Já próximo ao famoso Estádio da Luz, Fafá pensou que estava ficando louca: a torcida do time de futebol português, Benfica, se dirigia ao estádio enquanto cantava "Vermelho", música gravada por ela. Sr. Agostinho revelou a surpresa:

- Sabíamos que a menina estava triste com o fato recente ocorrido, não fique triste, o povo está consigo!

Naquele momento Fafá ficou sabendo que "Vermelho" havia se tornado Hino extraoficial do time lusitano, foi as lágrimas com tamanho carinho e reconhecimento.

"Vermelho" já era um grande sucesso em Portugal, mas, pelo fato da música se tornar um dos hinos do clube com maior torcida naquele país, fez com que "Pássaro Sonhador", pulasse do 7º para o 4º lugar na lista dos mais vendidos. O disco chegara a incrível marca das 300 mil cópias vendidas naquele país. Para se ter uma ideia, levando em conta a proporcionalidade da população em comparada com o Brasil, seria como se tivesse 3 milhões de cópias. "Pássaro Sonhador" era, portanto, disco de platina. (Veja vídeo abaixo no qual Fafá recebe o Disco de Platina).

A cantora foi convidada para a festa comemorativa dos 94 anos do clube cuja realização se deu no dia 01/03/1998. Ao cantar "Vermelho", foi ovacionada por um público que lotava o estádio. Feliz e realizada, deu três voltas olímpicas no Estádio da Luz. Era a glória!

Tempos depois, mais precisamente em 08/11/2013, Fafá de Belém esteve no programa "Encontros" apresentado por Fátima Bernardes e exibido pela Rede Globo de televisão. Nele, Fafá conta com detalhes a emoção desse momento inesquecível de sua carreira. Acesse o link abaixo e assista:

https://globoplay.globo.com/v/2942460/ 


E assim, enceramos o período "Pássaro Sonhador", embora ele continue voando, e cada vez mais alto. Com o advento do CD, um outro mercado surgiu: o da pirataria e as consequências seriam desastrosas para a música como um todo. Fafá de Belém resistiria. Era preciso se readequar, e foi exatamente o que ela fez.

Texto Narrativo: Claudinei Sampaio

Seja um fã colaborador! Você tem uma matéria deste período e não está aqui? Faça um Scanner da matéria e envie para: contato@fafadebelemarquivo.com.br com o assunto "Material 1996". Seu nome será citado como doador(a) do material.

<<Voltar para a primeira parte

Voltar ao Topo - Início - Anos 1990 - Trajetória